segunda-feira, 11 de junho de 2018

Desapegar-se para crescer e evoluir, diz Socorro Leite

Especialista explica que desapegar-se é preciso para renovar as energias e buscar um novo caminho

Certamente desapegar não é uma tarefa tão fácil. Em maior ou menor grau, todos sentem ou já sentiram apego por objetos, 
pela família, pelo trabalho, por um grande amor ou, até mesmo, pelo passado. O hábito de guardar coisas e a dificuldade de se desfazer podem sair do controle, virar doença e trazer consequências danosas ao nosso sistema emocional. Isso quem explica é a Psicoterapeuta Socorro Leite 

Segundo ela, não há como crescer e evoluir se a pessoa continua presa ao passado. “As pessoas apegadas podem apresentar diversos sintomas como ansiedade, fobia e depressão. E quando o ser humano vive nessa freqüência, o padrão de pensamentos acaba ficando resistente à mudança e daí  ele não percebe qual é o melhor momento para desapegar-se do velho. Isso porque o apego perturba a mente e nos impede de agir com liberdade“.

De acordo com Socorro Leite, devemos fazer uma revisão de tudo que está guardado, duas vezes por ano. ”Recomendo aos meus pacientes que a cada seis meses façam uma faxina e passe um pente fino no armário e nas gavetas. As pessoas costumam comprar coisas novas em vez de recorrer ao que está no fundo do armário. Além disso desapegar e doar é um ato de amor”.


Com relação ao apego referente um ex-emprego ou um romance do passado, Socorro Leite orienta aceitar a realidade, cultivar o perdão, não perder tempo procurando explicações porque não deu certo e principalmente não se culpar pela perda da pessoa ou do emprego. "Nesse momento a pessoa deve sair com os amigos, fazer planos para o futuro, focar em seus objetivos e concretizar alguns sonhos, deixando assim pouco espaço em sua cabeça para remoer as dores do passado".

Se você deseja se sentir mais leve, alegre e viver mais feliz, precisa compreender que o desapego é necessário para o crescimento pessoal. "O processo de se livrar de itens pessoais ou do passado exige paciência, coragem e disposição emocional para lidar com lembranças. Praticar desapego é sair da zona de conforto e enfrentar o novo", diz a psicoterapeuta Socorro Leite.  

“Praticar o desapego significa renovar-se”, enfatiza a psicoterapeuta que ainda completa dizendo que as coisas passam e os ciclos terminam. “Solte as amarras do passado e diga pára si mesma: O que passou, passou. Jamais voltará e o melhor que faço é começar de novo. É hora de mudar. É hora de se desapegar. Você deve esquecer o que saiu e se concentrar no que  ficou”, finaliza Socorro Leite.

PSICOTERAPEUTA SOCORRO LEITE - CRP: 06/108326 
Socorro Leite é Psicóloga Clínica com Pós Graduação em Terapia Familiar Sistêmica e de Casais (Unifesp) e em Psicologia Hospitalar (CEPPS) e formação técnica em atendimento domiciliar (PUC). Atualmente Socorro Leite, trabalha com psicoterapias na sua clínica localizada em São Paulo e também realiza consultoria de empresas. É autora de livros publicados sobre o desenvolvimento e a valorização humana. Há mais de 20 anos ministra cursos e palestras e tem seu trabalho reconhecido desde 1995, em todo o território nacional. 

CONTATOS DA SOCORRO LEITE
www.socorroleite.com.br
(11) 3101-8449 ou (11) 9.8769-3637

terça-feira, 5 de junho de 2018

SOCORRO LEITE - Ninguém é perfeito. Veja a vida de forma diferente.

Ninguém é perfeito. Veja a vida de forma diferente.

Somos seres limitados e como tal, é necessário sabermos aceitar nossas limitações, para termos condições de enfrentarmos melhor nossas derrotas. 

Ter essa convicção é determinante para seguirmos nosso cotidiano com menos dificuldades e muito mais fortalecidos,  para conseguirmos romper as barreiras que surgem em nosso caminho.

Sugestão:  Evite focar no problema, procure olhar para as possibilidades e alternativas, por pior que seja o momento. 
Tente tirar uma lição, um aprendizado ou uma nova chance de recomeçar  sua vida com uma nova dose extra de energia.

domingo, 13 de maio de 2018

Feliz dia das mães

Quero hoje dedicar uma palavra especial a todas as mães, como filha, mãe e avó. 
Tenho certeza que ninguém tem mais motivos para curtir a sua avó,mãe, filhos e netos do que eu.

Feliz dia para todas as mães que na essência vivem em razão de seus filhos, transportam o que há de mais divino que é o amor incondicional guardado no enorme coração de todas nós.

Mae, para todas vocês só tenho uma palavra: Nossa missão é eterna. Estamos só no início de nosso trabalho. A vida continua e nossas responsabilidades seguem também. Seremos sempre mãe e amaremos com o coração por toda eternidade. Para todas  nós mães, que na terra representam a obra da criação, que geramos com o nosso ventre, sementes de vida.
Vamos juntas celebrar todas  as mães através dessas palavras:

Obrigada minha mãe!!!
Mãe obrigada por ter gerado minha vida.Mãe, obrigada por ter-me educado, por preocupar-se com meus problemas e aflições, pois você sempre procurou como figura materna dar para mim o melhor da vida.

Mãe, obrigada por ter-me  deixado duas coisinhas básicas,educação e a verdade de querer fazer sempre o certo para mim e para outros. O meu presente para todos as mães especialmente para aquelas que não mais estão conosco, foi fazer uma pequena oração expressando o meu amor, gratidão, admiração e muitas saudades.

Parabéns a todas  mães guerreiras pelo seu dia, pelo amor doado aos seus filhos, pois mãe é um presente divino.
Feliz dia das mães! Obrigada por carregar no coração um amor infinito e incondicional, que vem alimentando tantas vidas de esperança, carinho e bons exemplos.
Obrigada minha mãe e a todas as mães do Universo!
Feliz  data para todas as mães! 

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Socorro Leite fala sobre a importância de ter Empatia

Segundo uma pesquisa da Universidade Estadual de Michigan, nos Estados Unidos, o Brasil não é um dos países mais empáticos do mundo. O Brasil ficou em 51º na lista, atrás de países como o Equador, Arábia Saudita, Peru, Dinamarca e Emirados Árabes. Portanto, a falta de empatia é um problema mundial.   

De acordo com a psicoterapeuta Socorro Leite a empatia  pode ajudar não só os outros, como também a nós mesmos. “ Acredito que a falta de empatia  pode causar danos na vida íntima e social das pessoas. Ver o mundo conectado no olhar do outro facilita a comunicação, cria laços,  fortalece-nos, promove a solidariedade e permite aprender com a experiência do outro.", explica. " Quem deseja se relacionar saudavelmente precisa aceitar e compreender os sentimentos e emoções das outras pessoas. Essa conduta nos leva a agir com mais respeito, lealdade, transparência e generosidade. Afinal, todos queremos um mundo mais pacífico, justo, colaborativo e sustentável.”, ressalta.

Socorro Leite diz que a falta de empatia, pode ser ocasionada, pela falta de carinho e atenção ao longo da vida. “Muitas vezes recebo pacientes que nunca tiveram laços afetivos, não receberam amor e não sabem expressar seus sentimentos. São pacientes frios e focados em problemas individuais. Para eles, o outro não existe, não pensam e não sentem. A falta de empatia neles faz com que  fiquem menos humanos, mais egoístas e menos solidários. Noto a dificuldade de conviverem com pessoas diferentes e acabam se isolando por não concordarem com as opiniões diferentes. “

Socorro Leite, lembra ainda, que a empatia pode ser desenvolvida e aprendida. “ Através da terapia podemos desenvolver a empatia e adotar esse novo comportamento, porém, o paciente precisa usar a empatia na medida certa e diariamente, em suas famílias e no seu ambiente de trabalho, melhorando assim suas relações interpessoais. No final do tratamento, percebo que os pacientes vão ficando cada vez mais fortes e maduros quando começam  a olhar o mundo com os olhos do outro, deixando um pouco o seu próprio mundo interior. Eles acabam se tornando mais humildes e conseguem ver além do seu próprio umbigo.

Para desenvolver a empatia, a psicoterapeuta  ensina alguns passos:

- Comece a compreender os sentimentos e emoções das pessoas que vivem com você;
- Aprenda a ouvir outros pontos de vista, abra a sua mente.
- Respeite os outros como você gostaria de ser respeitado;
- Tente imaginar o que você faria no lugar do outro antes de criticar;
- Não transfira suas frustrações e problemas para as pessoas que pensam diferente
- Evite julgar o outro pela sua opinião e pensamentos. 
- Tenha compreensão e paciência para conviver com quem você não gosta.

Socorro Leite afirma que o excesso de empatia e de sensibilidade pode afetar e prejudicar a vida da pessoa. Compreender e aceitar a dor do outro não é absolver e adquirir para si os problemas alheios. O ser humano deve aprender a medida certa para viver feliz e ter bons relacionamentos.  Ser empático traz felicidade para si e também para os outros.

PSICOTERAPEUTA SOCORRO LEITE - CRP: 06/108326
Socorro Leite é Psicóloga Clínica com Pós Graduação em Terapia Familiar Sistêmica e de Casais (Unifesp) e em Psicologia Hospitalar (CEPPS) e formação técnica em atendimento domiciliar (PUC). Atualmente Socorro Leite, trabalha com psicoterapias na sua clínica localizada em São Paulo e também realiza consultoria de empresas. É autora de livros publicados sobre o desenvolvimento e a valorização humana. Há mais de 20 anos ministra cursos e palestras e tem seu trabalho reconhecido desde 1995, em todo o território nacional.

CONTATOS DA SOCORRO LEITE
(11) 3101-8449

segunda-feira, 7 de maio de 2018

Instagram da Socorro Leite comemora + 1000 seguidores

A interação com o público nas redes sociais é uma experiência nova e muito significativa para o meu trabalho. Estou muito contente de participar com vocês pessoas carinhosas e que se relacionam de forma criativa. 

Então, vamos interagindo nesse canal de comunicação fantástico. Muito obrigado a cada um de vocês que acompanham e curtem meu trabalho. 

Agradeço o carinho e as lindas mensagem. 



terça-feira, 3 de abril de 2018

Socorro Leite fala sobe as ermoções

Todas as plantas se desenvolvem na direção da energia do sol. Assim, também,  deveria ser o ser humano, crescer e evoluir na direção do sol de suas emoções. 

Deixem o sol forte das emoções brilhar em sua vida. Entre nessas camadas mais profundas de sua existência e siga na direção do sol. 

Fixe seus pensamentos nas fases mais felizes de sua vida e deixe brilhar essa energia que representa o sol de sua vida. 

Esse é o tempo de fixar seu olhar nesse sol e seguir buscando o seu melhor. Seja sempre feliz!!

segunda-feira, 5 de março de 2018

SOCORRO LEITE - Auto controle.

Auto controle.

As pessoas sempre me perguntam o que eu devo fazer para ser uma pessoa mentalmente mais forte e equilibrada?

Olha, é sempre um desafio administrar as nossas emoções, os pensamentos e principalmente os comportamentos.

 É importante buscar o autocontrole e conquistar a qualidade de nossos pensamentos e emoções através da prática da concentração e dos exercícios respiratórios.

 Saber respirar é o primeiro passo para fortalecer  nossa mente e equilibrar nossa energia. Não esqueçam que a empatia é uma qualidade imprescindível para quem desejar ser mentalmente forte e equilibrado.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

SOCORRO LEITE - Mudança de vida

Há quem diga que a felicidade está na nossa frente e não enxergamos, porque o nosso foco é o outro. Será?

 Há quem afirme que a felicidade está dentro de cada um de nós. E você o que acha dessas questões?

Sinto que somos seres especiais fazendo parte dessa imensidão que nos envolve.


 As oportunidades surgem à medida que lutamos por elas e devemos aproveitar todas essas lições que nos são repassadas por nosso crescimento, aprendizado e evolução.

 Esteja onde estiver, procure celebrar a vida, observe a imensidão do universo e sempre que possível, mude seu jeito de ser  e de enxergar a vida. Essa é a melhor atitude para você continuar a evoluir.

Não corra atrás da felicidade. Jamais você vai encontrá-la fora de si mesmo. Entre uma respiração e outra você pode encontrar sua verdadeira felicidade. Confesso a você que esse momento é único e muito transformador.

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

SOCORRO LEITE - EMPATIA

Quando converso com pessoas próximas ou não, observo o nível de energia, amor, de empatia e até de magnetismo transmitido durante a interação humana. É fantástico perceber o verdadeiro amor desenvolvido pela empatia das pessoas durante as interações ocasionais.

Exercer a empatia é começar a ver o mundo com olhos diferentes, deixando um pouco o seu próprio mundo interior. É ficar conectado no olhar do outro. Além de ficarmos mais fortes, essa conduta nos leva a agir com mais respeito, lealdade, transparência e generosidade.

Existem pessoas que estão do nosso lado e de quem não gostamos, mas somos  obrigados a conviver com elas. A melhor atitude é sermos compreensivos com essas pessoas. Começar a treinar a empatia. Quem sabe a resistência inicial termina e dá lugar a uma amizade.

Às vezes, estamos descontentes por motivos nossos e muitas vezes deixamos que nossa consciência (voz interior) repasse nossas dificuldades e falhas para o outro que nada tem a ver com isso.

Evite julgar o outro pelo diz seus pensamentos. Pegue leve… A compreensão é a alma da relação em qualquer convivência humana. Ponha em prática a empatia e cultive mais a amizade em sua volta.